Contador
Em cima da hora:
Motociclista fica ferido após bater de frente com ônibus em Ribeirão Preto
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Força tarefa diz que Gregório faz parte de uma quadrilha de “grilagem”

    O policial Eudson Cerqueira Cabral se apresentou na manhã de ontem, a 64ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), a qual o mesmo é lotado. Depois seguiu para a Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), acompanhado com o major Muller.


    Força tarefa diz que Gregório faz parte de uma quadrilha de “grilagem”

    No final da manhã desta quinta-feira (31), os delegados João Rodrigues Uzzum, Dorean dos Reis Soares, Ana Cristina e o coordenador da Polícia Civil, Ricardo Brito, que fazem parte de uma Força Tarefa que está investigando o Crime Organizado na cidade de Feira de Santana, realizaram uma entrevista coletiva para Imprensa, sobre a elucidação da morte do empresário Gil Porto.


    A entrevista aconteceu na sede da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), localizada no Complexo de Delegacias do Sobradinho. “O mentor e autor da morte de Gil Porto foi Gregório. Ele, além de fazer parte de um grupo de extermínio, também é integrante de uma quadrilha de grilagem que faz parte do Crime Organizado que vem acontecendo na cidade de Feia de Santana”, frisou a delegada Dorean dos Reis Soares.


    O policial Eudson Cerqueira Cabral se apresentou na manhã de ontem, a 64ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), a qual o mesmo é lotado. Depois seguiu para a Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), acompanhado com o major Muller.

    Investigação

    O coordenador, Ricardo Brito contou que desde dia do crime que vitimou o empresário Gil Porto, as investigações foram iniciadas. “Conseguimos identificar que o empresário que é correto de imóveis, teria vendido um terreno no ano de 2011, na avenida Noide Cerqueira, sendo que, esse mesmo terreno estava sendo negociado através de uma escritura falsa por Gregório no final de 2013. A partir dai começamos a acompanha-lo, monitora, não só ele como todas as pessoas envolvidas”.


    “No dia de ontem conseguimos com o apoio do Ministério Público e o Poder Judiciário, os mandados de prisões e buscas e apreensões. Encontrando na sua residência e escritura do terreno, a arma que possivelmente foi usada no crime. O documento falso é de compra e vendas”, frisou Ricardo Brito.

    Documentação

    A delegada Dorean dos Reis Soares explica que o documento, é uma escritura de sessão de posse, não é uma escritura pública de compra e venda. Mas vamos apurar também se o cartório que está lá, tem participação, por que eles podem falsificar, como também tem extrato de IPTU pago deste terreno, onde sabemos que a quadrilha falsifica pagamentos de IPTU e de outras taxas.


    “Então, Gregório é um dos grandes grileiros daqui de Feira de Santana, ele é o líder dessa quadrilha e também faz parte de um grupo de extermínio. Esse terreno como o Doutor Ricardo disse, foi comprado por uma empresa daqui de Feira de Santana, em 2011 totalmente legalizada com escritura, tudo perfeito. Em 2013, como eles fazem, a quadrilha identifica o alvo (terreno) que pode ser do poder publico ou particular, invadem, depois cercam, quando não aparecem ninguém, no prazo de 10 a 15 dias, eles começam a levantar muro.

    "Quando foi por volta de 2013, os verdadeiros donos do terreno que pertence a uma clinica aqui na cidade, ao ver a placa de vendas, entraram em contato com Gil, informando que o terreno estaria sendo invadido. Gil, como corretor correto, foi lá e encontrou Gregório no terreno juntamente com uma parte da quadrilha que também está sendo investigada. Houve a primeira discussão, nesse terreno também existe uma placa de venbda com o telefone do próprio Gregório. Gil também entrou em contato com ele via telefone".

    "Quando foi no final de abril e o inicio do mês de maio, Gregório voltou a subir os muros no terreno, onde houve outra discussão no dia 02 de maio, sendo que, desta fez foi mais acirrada e Gregório teria dito que mataria Gil. No dia 21 do mesmo mês, Gregório passou a seguir Gil, por volta do meio dia, começou a escolta-lo e por volta das 18 horas, na Praça São Francisco, no bairro kalilandia, Gil foi assassinado".

    Envolvimento de Outras Pessoas

    A delegada Dorean contou ainda que a quadrilha de grilagem é grande, inclusive tem policiais civis, militares, funcionários públicos, pessoas civis. “Ficamos surpresos quando encontramos colegas numa situação, mas a lei tem que ser feita, nos temos obrigação quando tomamos conhecimento, ir pra cima, como diz. Infelizmente já temos informações que policiais civis e outros policiais militares estão envolvidos diretamente na invasão de terras”.


    “Então estamos pedindo para que as pessoas que foram ou estão sendo vitima dessa quadrilha que entre em contato conosco, além de nos delegados, também estamos tendo o apoio de um grupo de Promotores Públicos e Juízes, que também estão juntos conosco no combate ao Crime Organizado”, finalizou Dorean.


    Ainda de acordo com a Força Tarefa, as investigações continuam e mais pessoas podem ser presas no envolvimento da quadrilha da grilagem e no assassinato de Gil Porto.
     



    Comentários


    31/07/2014 as 21h02m
    admirador escreveu:
    ´fico encantado com o trabalho da civil q pena para crimes serem elucidados a fitima tem q ter boas condições financeira!
    31/07/2014 as 21h27m
    Sociedade Feliz escreveu:
    Parabéns para esta Justa, Correta, Ilibada Equipe da Polícia Civil de Feira de Santana. E com grande HONRA que agradecemos a Vocês pelo trabalho. Disto já notamos que a taxa de homicídio cai quase 90% depois que estes policiais foram presos, desde aquele que matou o cara na Micareta. A SOCIEDADE feirense passou a honrar a POLÍCIA CIVIL a partir do trabalho desta equipe. Que o nosso Governador gratifique esta equipe na devida proporção que merecem. Parabéns Doutores Ricardo, João, Dorean
    31/07/2014 as 22h34m
    decepcionado escreveu:
    todos tem que pagar, independente qde quem seja todos sao ladrao e assassinos, quantas pessoas foram vitimas desses vagabundos,a lei e para todos ,esses grupos de exterminios tiraram muitas vidas inocentes , esses marginais de fardas tem quer ser punidos na forma da lei
    01/08/2014 as 00h51m
    Revolta escreveu:
    Feira virou o Para, estado sem lei e cheio de grileiro, e todos nos sabemos quem sao eles,
    01/08/2014 as 07h56m
    Anônimo escreveu:
    Parabéns Força Tarefa ! Continuem com a investigação, pois deve ter muito mais pessoas envolvidas nesse crime de grilagem ; funcionários públicos , advogados, empresários ... Não se comenta mais outra coisa na cidade !!
    01/08/2014 as 08h31m
    64 CIPM escreveu:
    O comando da 64 CIPM está de olho em mais sujos aqui. Vamos cortar na própria carne, como está fazendo a CIVIL.
    01/08/2014 as 08h31m
    justiça escreveu:
    A justiça tem que ter essa disposição também para apurar os vários outros crimes que acontece com pessoas de classes média e baixas. Na balança da vida todos somos iguais!
    01/08/2014 as 08h28m
    PC escreveu:
    Eu sabia que as casas iriam começar a cair,por isso que não me queriam lá,fui transferido sem motivos,eu via e observava a formam como eles..................trabalhavam,mais como diz o ditado nada errado impera com a justiça pode ser lenta mais não é sega, no trabalho dos chefes eu confio,demoro até demais pra cair a ficha,a cidade quer segurança ai -lhes pergunto de quem,a sujeira tem que ser limpa e a primeira limpeza das casas.VAI A DICA .
    01/08/2014 as 09h27m
    civil escreveu:
    Se fosse um qualquer vcs do site mostrariam o rosto né?? credibilidade zero!!
    01/08/2014 as 11h41m
    Recado para' grupo de exterminío Cara Preta ' escreveu:
    Isso é para vocês exterminadores assasinos entenderem que a justiça do homem ainda existe e que a de Deus será mais poderosa do que vocês imaginam. Vocês estão fazendo muitas mães chorarem tudo por causa de dinheiro, Deus vai cobrar a condulta errada de ambos, recado dado para ( grupo de exterminío Cara Preta ) A VIDA PASSA RÁPIDO DEMAIS PARA VIVER NA MALDADE,VCS VAÕ PAGAR POR TUDO ISSO E O CABRADOR SERÁ O PAI DE TUDO QUE EXISTE. DEUS
    01/08/2014 as 14h28m
    anônimo escreveu:
    A delegada Dorean contou ainda que a quadrilha de grilagem é grande, inclusive tem policiais civis, militares, funcionários públicos, pessoas civis. “Ficamos surpresos quando encontramos colegas numa situação, mas a lei tem que ser feita, nos temos obrigação quando tomamos conhecimento, ir pra cima, como diz. Infelizmente já temos informações que policiais civis e outros policiais militares estão envolvidos diretamente na invasão de terras”. SERÁ MESMO DOUTORA QUE A SENHORA VAI PRENDER POLICIAIS CIVÍS?
    02/08/2014 as 09h57m
    A corda poliça escreveu:
    Todo mundo sabe quem são os bandidos menos a policia civil, quantas pessoas esses bandidos mataram e agora da alta agora que eles vão tomar providencia
    03/08/2014 as 16h21m
    PARA REVOLTA escreveu:
    Porque vc nao fala os nomes das pessoas envolvidas nessas fraudes.
    22/08/2014 as 11h15m
    geraldo souza escreveu:
    parabens a policia pelo grande trabalho! vamos continuar existem mais policiais envolvidos! sociedade livre e policia atuante
Publicidade
Anuncie Aqui!
Auto Peças Brasil
Auto Escola Trindade
Trayler
FBI Investigação
Capitão
Auto Escola Farol
Banner Semana do Empreendedorismo
Jobope
Haste
Contador
Terminal Rodoviário
Point Cell
PMCEL
Banner - Kamila - Grafica
Baner Alex
Colégio Intelecto
Mariana
ACC Material de Construção
Spaço Sorriso
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Eventos