Contador
Em cima da hora:
Projeto contra corrupção do MPF já coletou mais 31 mil assinaturas na PB
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Acusada de matar o marido com três tiros é encaminhada ao Presídio

    após ter a prisão preventiva decretada pela juíza titular da Vara do Júri, Elke Figueiredo, durante audiência de custódia. Segundo informações da polícia, Silvana saiu do Fórum Filinto Bastos na tarde de terça-feira e foi recambiada para o presídio de Feira de Santana


    Acusada de matar o marido com três tiros é encaminhada ao Presídio
    Foto Aldo Matos/Acorda Cidade

    No final da tarde de terça-feira (30-09-16), Silvana Aparecida Miranda Andrade, acusada de ter matado o marido Walter Wendson Melo Mota, que era mais conhecido como “Mulato”, foi encaminhada para o Conjunto Penal de Feira de Santana, após ter a prisão preventiva decretada pela juíza titular da Vara do Júri, Elke Figueiredo, durante audiência de custódia. Segundo informações da polícia, Silvana saiu do Fórum Filinto Bastos na tarde de terça-feira e foi recambiada para o presídio de Feira de Santana.

    Entenda o Fato

    Silvana Aparecida Miranda Andrade que está internada no Hospital Emec confessou para o delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), que teria matado o marido, Walter Wenderson Melo Mota, que era conhecido como “Mulato”, 34 anos, na manhã de domingo (28-08-16), no interior da casa do casal, localizado no bairro Jomafa em Feira de Santana.


    Ela que está internada no hospital, após tentar cometer suicídio, apesar de que, ainda não prestou depoimento oficial na DHPP, mas, contou para o delegado Gustavo como tudo aconteceu e os motivos que levou a essa tragédia. “A acusada confessou a autoria do crime, alegando que teria acontecido uma discussão com o marido dentro da residência por causa de traições”.


    “Pois, ela falou que está abalada psicologicamente por conta de uma traição do companheiro. Segundo ela, Walter possuía uma amante há mais de cinco anos e ela tinha descoberto recentemente que ele estaria com uma segunda amante. Ela contou pra um dos familiares que havia adquirido um revólver e estava tentando cometer suicídio. Sendo que, o marido teria tentado impedir e no empurra-empurra ela acabou deflagrando três tiros contra o marido”, explicou.
     



    Comentários


    01/09/2016 as 21h41m
    SÓ OBSERVO escreveu:
    Se uma mulher bem pensasse,nunca mataria ou moreria por uma traição,a vida bé tão preciosa para se perder com quem não presta,destruiu a vida dela e dele,e agora?Eu já fui traída,oxce fui embora,10 anos depois conheci uma pessoa maravilhosa,sou feliz,e ele até hoje sozinho.
Publicidade
Anuncie Aqui!
PMCEL
Spaço Sorriso
FBI Investigação
Baner Alex
Auto Peças Brasil
Auto Escola Trindade
Colégio Intelecto
Trayler
Jobope
Banner - Kamila - Grafica
Contador
Capitão
Banner Natal Encantado
Mariana
Haste
Auto Escola Farol
ACC Material de Construção
Terminal Rodoviário
Point Cell
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Eventos