Banner Governo do Estado
Contador
Em cima da hora:
GM investe US$ 500 milhões em rival do Uber
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Mulher é presa acusada de mandar matar advogado que foi encontrado morto em Santo Amaro

    O advogado Julio Zacarias ficou desaparecido por 15 dias, porém, o corpo foi encontrado na localidade conhecida como Oliveira dos Campinhos, no município de Santo Amaro. O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Santo Amaro
    14.02.2019 19h19m
    Recomendar
    Mulher é presa acusada de mandar matar advogado que foi encontrado morto em Santo Amaro
    Foto Gleidson Santos

    Policiais do Serviço de Investigação da 1ª Coordenadoria de Polícia Civil de Feira de Santana, juntamente com investigadores da Delegacia Territorial de Santo Amaro e a Polícia Federal, sob o comando do coordenador Roberto Leal, prenderam no final da manhã de quinta-feira (14-02-19), Gláucia Mara Ottan Machado Ferraz, 43 anos. Ela é acusada de mandar matar o marido, advogado Julio Zacarias. Também foi presa, Maria Luiza Borges do Carmo, 27 anos, empregada domestica da acusada.


    O advogado Julio Zacarias ficou desaparecido por 15 dias, porém, o corpo foi encontrado na localidade conhecida como Oliveira dos Campinhos, no município de Santo Amaro. O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Santo Amaro, onde foi identificado por familiares.


    Maria Luiza confessou para Imprensa, que a patroa, Glaucia teria encomendado a morte do advogado e que a mesma ficou na responsabilidade de conseguir pessoas para praticar o homicídio, caso não ajudasse ela nesse plano, que mataria ela e o pai. "Eles brigavam o tempo todo, ela todos os dias colocava ele pra fora, chamava até a polícia, mas ele não aceitava a separação. Ela veio pra mim e disse que se eu não a ajudasse, com o plano de mata-lo, que ela mandava matar eu e meu pai".


    "Então, não tive alternativa, entrei em contato com uma amiga minha que conhecia dois traficantes. Ai falei o plano pra ela, ela me indicou os dois homens, comuniquei a Glaucia e ela deu R$ 4.000,00 (Quatro Mil Reais), onde ficou dois mil para cada. Eu não comenti crime nenhum, quem cometeu foi ela, eu não ganhei nada, só fiz isso porque ela me ameaçava. Ela é louca, o Dr Julio não merecia isso, eu tinha pena dele. No dia do crime, ele foi sedado, depois levaram ele para o local e mataram. Antes dele morrer, eu ouvir, ele falar assim, vocês vão me matar não é, eu já desconfiava que Glaucia iria fazer isso comigo", explicou Maria.


    Gláucia contou para reportagem que Maria Luiza tem problemas mentais, inclusive ela é paciente do Caps, não sei por que estão usando ela, para fazer essa acusação muito grave quando a minha pessoa. "Eu tinha medida protetiva contra ele, porque ele me agredia todo o tempo, inclusive teve duas prisões em flagrante. Vivemos separados desde 2012, porém, não estávamos divorciados, eu não sabia onde ele morava, porque eu estava querendo o divórcio, mas não encontrava o endereço dele".


    "Eu ajudava muito ele, mas ele era complicado, sempre queria me agredir, falava que se encontrasse eu com outro homem que me mataria, então, ficava sempre dentro de casa, sou aposentada do Tribunal da Justiça da Bahia, por invalidez. Não consigo entender porque estão fazendo isso comigo, essa menina está sendo usada por alguém, pra me acusar dessa forma. Mas, estou aqui e vou abri mão do meu sigilo bancário para saber se tirei 4 mil reais para pagar alguém como ela disse, ela vai ter que provar", indagou Glaúcia.


    A Investigação


    O coordenador Roberto Leal disse que, que as investigações apontou que o advogado foi morto, porque a mulher não queria dividir os bens, por isso ele não aceitava o divorcio. "Os elementos levantados até o momento na investigação conclui que a Gláucia, em função da questão patrimonial, das brigas que ela tinha constantemente com o Sr. Júlio, em função da discordância que eles tinham com relação ao divórcio, ela veio a praticar esse crime com ajuda de Maria Luiza e mais dois homens que foram responsáveis pela execução"


    "Com ajuda da Polícia Federal , conseguimos obter detalhes do crime, então conseguimos todos os detalhes que foram narrados por Maria Luiza, só a gente tinha, e ela descreveu com riqueza de detalhes. Agora Glaucia não está assumindo, mas Maria Luiza confessou e contou tudo como aconteceu", finalizou Leal.

    Entenda o Caso


    Familiares reconheceram nesta terça-feira (5) o corpo do advogado Júlio Zacarias Ferraz, 43 anos, que estava desaparecido desde 15 de janeiro, quando estabeleceu o último contato com a família. O advogado é assessor jurídico do vereador de Feira de Santana Gilmar Amorim.


    Segundo o coordenador regional de Polícia Civil, Roberto Leal (1ª Coorpin), o corpo deu entrada na sede do Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade de Santo Amaro no dia 16 de janeiro, porém, somente nesta terça-feira (5) houve o reconhecimento, feito pelo irmão Bráulio Zacarias Ferraz.
     



  • Criança de 1 ano morre após portão cair por cima


    14.02.2019 18h23m
    Recomendar
    Criança de 1 ano morre após portão cair por cima
    Foto Divulgação

    Uma menina de 1 ano de idade morreu na noite desta quarta-feira (13), no Hospital Estadual da Criança (HEC), em Feira de Santana.

    Segundo a polícia, Laura Sophia Souza estava internada após se acidentar com um portão. Daví dos Espírito Santo, primo da vítima, contou que três crianças brincavam na residência localizada no Corredor dos Araçás, bairro SIM, quando uma delas, de 9 anos , foi fechar o portão e o equipamento saiu do trilho e caiu.

    Ainda de acordo com ele, Laura foi atingida gravemente e após ser socorrida não resistiu aos ferimentos. O primo não soube informar o estado de saúde das outras crianças.

    O delegado Luís Smyslov presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

    Fonte Central de Policia 



  • Núcleo de quadrilha especializada em roubo de cargas estava instalado em Feira de Santana

    O delegado de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio (Delepat), Orlando Borges de Azevedo Júnior, durante entrevista coletiva informou que oito pessoas foram presas em Feira de Santana e outras duas estão foragidas. Entre os presos estão quatro empresários do ramo de supermercados. “A quadrilha tem membros em São Paulo, Paraíba e em Salvador, mas o núcleo da organização criminosa se situava aqui em Feira de Santana”, informou Orlando Borges
    14.02.2019 14h25m
    Recomendar
    Núcleo de quadrilha especializada em roubo de cargas estava instalado em Feira de Santana
    Fotos Denivaldo Costa / Central de Polícia

    Na manhã desta quinta-feira (14-02-19), foi realizada a Operação “Feira Livre”, a partir do desdobramento da Operação “Transbordo” deflagrada pelas polícias Federal e Rodoviária Federal de Alagoas em julho de 2018, visando desarticular uma associação criminosa que praticava furto e receptação de cargas, sendo descoberto que o núcleo da quadrilha estava localizado em Feira de Santana e com ramificações nos estados de São Paulo, Paraíba e também em Salvador. A quadrilha contava com a participação de caminhoneiros que desviavam as cargas que transportavam e depois prestavam uma queixa falsa.


    O delegado de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio (Delepat), Orlando Borges de Azevedo Júnior, durante entrevista coletiva informou que oito pessoas foram presas em Feira de Santana e outras duas estão foragidas. Entre os presos estão quatro empresários do ramo de supermercados. “A quadrilha tem membros em São Paulo, Paraíba e em Salvador, mas o núcleo da organização criminosa se situava aqui em Feira de Santana”, informou Orlando Borges. A Polícia não divulgou os nomes dos criminosos.


    Ainda de acordo com o delegado, cabia ao chefe do grupo o trabalho de aliciar os caminhoneiros, que por sua vez, convenciam outros colegas a participar do esquema criminoso. “O chefe da organização tinha como missão aliciar os caminhoneiros responsáveis pelo transporte de cargas. Uma vez, ele compactuando com a atividade ilícita proposta, ele recebia uma vantagem financeira, com a finalidade de entregar a carga aos membros da associação criminosa e depois ia registrar uma queixa na delegacia, ou até no posto da PRF, inserindo dados inautênticos”, explicou o delegado.

    Fabio Cassimiro Ramos, coordenador de Operações Especializadas e de Fronteiras - COE. contou que a partir das informações coletadas pela PRF, tudo foi repassado para a Polícia Federal e no trabalho conjunto foram cumpridos os mandados judiciais, desde a operação “Transbordo”.

    As cargas mais visadas pela quadrilha eram alimentos, produtos de higiene, além de pneus e algumas delas ultrapassavam a quantia de R$ 1 milhão. Veículos, cargas e dinheiro foram apreendidos pela PF e está sendo feito um levantamento de todo o montante movimentado pela quadrilha.

    Após serem encaminhados para exames de corpo de delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT), foram encaminhados para audiência de custódia com o juiz Antônio Henrique da Silva, titular a 2ª Vara Criminal, que expediu os mandados de prisão, e já foram encaminhados para o Conjunto Penal de Feira de Santana.



  • Quadrilha de ladrões de cargas é desarticulada pela PRF e PF em Feira de Santana

    Durante a investigação, constatou-se que a atuação da quadrilha era baseada no aliciamento de caminhoneiros, mediante vantagem financeira, para que realizassem o desvio, total ou parcial, da carga transportada. O impacto dos crimes praticados pela associação criminosa ultrapassou
    14.02.2019 08h33m
    Recomendar
    Quadrilha de ladrões de cargas é desarticulada pela PRF e PF em Feira de Santana
    Foto Gleidson Santos

    As Polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF) deflagraram na manhã desta quinta-feira (14-02-19) a operação “Feira Livre”, visando desarticular uma associação criminosa, radicada em Feira de Santana, que praticava furto e receptação de mercadorias. Em Feira, a operação visitou o Condominio Central Parque, localizado no bairro Calumbi.

    Trata-se de um desdobramento da Operação “Transbordo”, deflagrada pelas Polícias Federal e Rodoviária Federal de Alagoas em julho de 2018, ocasião em que foram cumpridos mais de 170 mandados judicias em vários estados, inclusive 38 na Bahia. Cerca de 55 policiais federais e 80 policiais rodoviários federais participam da ação.

    Durante a investigação, constatou-se que a atuação da quadrilha era baseada no aliciamento de caminhoneiros, mediante vantagem financeira, para que realizassem o desvio, total ou parcial, da carga transportada. O impacto dos crimes praticados pela associação criminosa ultrapassou a fronteira do estado baiano e atingiu comerciantes de outros estados, como Paraíba e São Paulo. Estima-se um prejuízo de milhões de reais em mercadorias desviadas.

    Segundo a PF, o esquema criminoso se baseava no aliciamento dos motoristas de transporte de carga que forjavam uma situação de roubo da mercadoria ou escoavam parte da carga. Além disso, havia também os receptadores para a aquisição e posterior comercialização das mercadorias subtraídas, que figuravam como intermediários entre o núcleo da quadrilha e pequenos comerciantes estabelecidos na cidade de Feira de Santana.

    Estão sendo cumpridos 17 mandados de prisão (quatro preventivas e 13 temporárias) e 17 mandados de busca nas cidades de Feira de Santana e Salvador, na Bahia; Santa Rita, na Paraíba; e São Paulo, Guarulhos, Mogi das Cruzes e Sumaré, no Estado de São Paulo. Além disso, foi determinado o bloqueio das contas dos principais investigados. Todas as medidas foram expedidas pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Feira de Santana. Os presos foram indiciados pelos crimes de furto e receptação qualificados, além de associação criminosa, previstos nos artigos 155, § 4º, I, II e IV; 180, § 1º; e 288, todos do Código Penal.

    Fonte: Central de Polícia



  • Advogado que tentou matar policial se entrega


    13.02.2019 19h04m
    Recomendar
    Advogado que tentou matar policial se entrega
    Foto Via WhatsApp

    O advogado Orlando Freire de Assis, 29 anos, compareceu no início da tarde desta quarta-feira (13) no Fórum Desembargador Filinto Bastos em Feira de Santana, na companhia do advogado, para ficar à disposição da Justiça, já que a comarca feirense acatou o pedido de mandado de prisão contra ele.

    Orlando é acusado de porte ilegal de arma de fogo e tentativa de duplo homicídio contra um policial civil, identificado como Sérgio Roberto Souza Oliveira e um motorista de caminhão.

    De acordo com imagens de uma câmera de segurança, no último domingo (10), após uma discussão na saída de uma festa, ele disparou contra um motorista que tentava impedir a agressão e depois tentou contra a vida do policial, porém sem disparo.


    “No momento oportuno meu advogado vai esclarecer a vocês. Não tive intenção nenhuma de matar, tive até a oportunidade. Me excedi, mas no momento oportuno vai ser esclarecido tudo. Peguei a arma do policial por que não sabia se o rapaz estava com ele ou não e queria garantir a integridade da minha física e da minha mulher, que foi ameaçada. O vídeo esta editado”, disse o suspeito a imprensa.


    Segundo a Polícia, as informações apontam que o investigador tentou conversar com Orlando sendo atingido, repetidamente, por vários socos e pontapés violentos, até ficar desacordado. O acusado logo após se entregar, foi conduzido para prestar depoimento na sede da 2ª Delegacia de Polícia, em Feira de Santana, no Complexo Policial do Sobradinho.

    Entenda o Caso


    O Investigador da Polícia Civil de Feira de Santana, Paulo Sergio, lotado na Delegacia de Tóxicos Entorpecentes (DTE) de Feira de Santana foi espancado e ter a sua arma roubada por um homem ainda não identificado. O fato aconteceu na noite de domingo (10-02-19), por volta das 21h30, na frente da Secretaria Municipal de Transporte e Transito (SMTT), localizada na Frente do Shopping Boulevard, em Feira de Santana.

    Toda a ação foi registrada por uma câmera de monitoramento particular de um estabelecimento. Na imagem mostra que o policial e o agressor, teriam saído do show do cantor Saulo Fernandes que acontecia no estacionamento do Shopping Boulevard. O investigador discuti com um homem que está acompanhado de uma mulher. Sendo que, o policial vai embora em direção ao seu veiculo.

    Mas o agressor consegue sair das mãos da mulher, que todo tempo segurava para evitar o desentendimento e parte correndo em direção ao policial, tira a camisa e chama o investigador pra luta corporal. Entram em vias de fato, mas o agressor consegue dar um golpe, levando o policial ao chão, depois dar um chupe na cabeça e o investigador nesse momento fica desacordado, porém, o criminoso continua esmurrando e chutando o rosto de Paulo Sergio.
     



  • Nove presos de Feira de Santana são transferidos para presídios de segurança máxima


    13.02.2019 18h54m
    Recomendar
    Nove presos de Feira de Santana são transferidos para presídios de segurança máxima
    Foto Gleidson Santos

    Nove internos do Conjunto Penal de Feira de Santana foram transferidos no início da manhã desta quarta-feira (13) para presídios de segurança máxima como parte da Operação ‘Spot’, que visa impedir a articulação do PCC na Bahia.

    Deflagrada pelo Ministério Público, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações do Ministério Público estadual (Gaeco), da Unidade de Execução da Pena (Umep) e da 3ª Promotoria de Justiça de Feira de Santana, em conjunto com as Secretarias de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) e de Segurança Pública (SSP), a operação resultou na transferência de sete presos para o Presídio de Serrinha e dois para presídios federais.

    As medidas de transferência foram deferidas pela Vara de Execução Penal de Feira de Santana. Participaram da operação policiais da CIPT Leste, CIPE Litoral Norte e da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes, além da direção e agentes do conjunto penal de Feira de Santana.



  • Cavalaria prende seis dentro de carro e apreende três armas de fogo na Lagoa Subaé

    Os acusados foram identificados como: 1- Matheus Queiroz Alves, 21 anos, morador da rua Colatina S/n° Bairro: Queimadinha; João Victor Silva Cerqueira, 21 anos; Rua Coim, Bairro Queimadinha; Ailton Moreira Oliveira, 18 anos; Rua Nova Lisboa - Bairro Santa Mônica 2 e Clebson Silva Pinto, 21; Rua Tocantins , 203- Bairro Santa Mônica.
    13.02.2019 12h10m
    Recomendar
    Cavalaria prende seis dentro de carro e apreende três armas de fogo na Lagoa Subaé
    Fotos Via WhatsApp

    Policiais da Companhia de Policiamento Especializado Esquadrão Montada, prenderam no final da tarde de terça-feira (12-02-19), por volta das 17 horas, seis homens que estavam a bordos em um veiculo Fox de cor Vermelha, placa OKN-5485, na avenida Periférica no Parque Lagoa Subaé em Feira de Santana. Com os seis foram apreendidos três armas de fogo.


    Os acusados foram identificados como: 1- Matheus Queiroz Alves, 21 anos, morador da rua Colatina S/n° Bairro: Queimadinha; João Victor Silva Cerqueira, 21 anos; Rua Coim, Bairro Queimadinha; Ailton Moreira Oliveira, 18 anos; Rua Nova Lisboa - Bairro Santa Mônica 2 e Clebson Silva Pinto, 21; Rua Tocantins , 203- Bairro Santa Mônica.


    Segundo informações do Esquadrão da Cavalaria, por volta das 17:00h, durante rondas pelo bairro Parque Lagoa Subaé, a guarnição da Viatura DRAGÃO 02 foi informada por populares que um veículo de cor vermelha havia passado com vários elementos em atitude suspeita. Dando prosseguimento a ronda foi avistado na Av. Periférica o VW/Fox de cor vermelha, placa OKN 5485 sendo dada a voz de parada, prontamente atendida e desembarcaram 06 pessoas do veículo.


    Ainda de acordo com a Cavalaria, foi feita a busca pessoal e ao realizar a busca no veículo foram encontradas 03 armas de fogo, sendo uma pistola 380 e dois revólveres calibre 38, relacionados abaixo. 16 cartuchos intactos cal. 38; 01 Pistola inox, marca Taurus, calibre .380, numeração KKH 56594; 01 Carregador de cal. 380, com 12 cartuchos intactos; 02 Revólveres calibres 38, marca Taurus, sendo um com numeração suprimida, oxidado e outro inox, numeração 1793042.


    Além do Veículo VW/ Fox de cor vermelha, placa OKN 5485; 01 aparelho Celular, marca LG, modelo G6; 01 aparelho celular marca Samsung, de cor branca. R$ 30.00; 01 aparelho celular marca Multilaser, de cor branca e 01 aparelho celular, marca LG, de cor preta. 



  • Câmara registra queixa na delegacia por invasão a site oficial


    13.02.2019 09h37m
    Recomendar
    Câmara registra queixa na delegacia por invasão a site oficial
    Foto Ascom

    Uma ação atípica no site oficial da Câmara Municipal de Feira de Santana que ocasionou a retirada do perfil do vereador Roberto Tourinho (PV) da página, na última segunda-feira (11), foi denunciada à Polícia Civil nesta terça-feira (12). O fato foi denunciado pelo chefe da Assessoria de Comunicação da Câmara (ASCOM), Joilton Freitas, e o procurador geral da Casa, o advogado Antonio Augusto Graça Leal.

    No Boletim de Ocorrência registrado, o chefe da Ascom informou que manteve contato com a empresa responsável pela hospedagem e manutenção do site e foi alertado que alguns registros indevidos foram verificados. “Já estamos tomando as devidas providências para averiguar os fatos e identificar e punir os culpados. O presidente do Legislativo, José Carneiro Rocha, já determinou a criação de uma Comissão de Sindicância para apurar essas invasões à página da Casa na internet”, informou Joilton Freitas.

    Ascom
     



  • Baleado após troca de tiros com a PM morre no HGCA


    13.02.2019 09h30m
    Recomendar
    Baleado após troca de tiros com a PM morre no HGCA
    Foto Via WhatsApp

    Leandro Silva Brito, 19 anos, que residia na rua São João no bairro Tomba, em Feira de Santana, morreu na noite de terça-feira (12-02-19), na emergência do Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA).

    Segundo informações, por volta das 19h20 Leandro trocou tiros com policiais militares na Avenida Maria Quitéria, bairro Queimadinha. Ele estava conduzindo um veículo Fiesta branco com restrição de roubo, sendo que resistiu a abordagem e foi baleado, mas foi socorrido para a unidade de saúde, não resistiu e morreu.

    O acusado estava portando um revolver calibre 38. Toda ação foi registrada no Plantão Central do Complexo de Delegacias do Sobradinho


     



  • Advogado criminoso está foragido e policial permanece internado


    12.02.2019 18h42m
    Recomendar
    Advogado criminoso está foragido e policial permanece internado
    Fotos Divulgação

    O investigador da Policia Civil da Bahia, Sérgio Roberto Souza Oliveira, que foi vitima de tentativa de homicídio na noite de domingo (10-02-19), na Rua Newton Vieira, frente da Secretaria Municipal de Transporte e Transito (SMTT), segue internado no Hospital Emec sem previsão de alta. O acusado que já foi identificado, como o advogado Orlando Freire de Assis, 29 anos, continua foragido.

    A Prisão Preventiva foi decretada pela juíza Márcia Simões, titular da Vara do Júri de Feira de Santana. Policiais do Serviço de Investigação da 1ª da Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/ Feira de Santana) estão à caça do advogado Orlando Freire.

    Ele aparece nas imagens de câmeras de segurança de um estabelecimento comercial, onde espanca o policial, mesmo o investigador desmaiado, o criminoso continua desferindo socos e chutes no rosto e ainda aponta a arma e aperta o gatinho duas ou três vezes, mas a arma falha. Porém, antes um caminhoneiro que tenta impedir a agressão, o criminoso deflagra dois tiros em direção, mas o caminhoneiro consegue correr e escapa da morte.

    OAB


    Rafael Pitombo, vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Feira de Santana, afirmou que o acusado poderá perder o registro da OAB. “Estamos acompanhando essa situação. Ele não estava no exercício da profissão, mas o caso já foi encaminhado ao Tribunal de Ética da OAB de Salvador. Então, caso seja comprovado que ele cometeu algo que compromete a imagem da profissão, poderá ter o registro cassado”, contou Rafael.

    A Covardia

    O Investigador da Polícia Civil de Feira de Santana, Paulo Sergio, lotado na Delegacia de Tóxicos Entorpecentes (DTE) de Feira de Santana foi espancado e ter a sua arma roubada por um homem ainda não identificado. O fato aconteceu na noite de domingo (10-02-19), por volta das 21h30, na frente da Secretaria Municipal de Transporte e Transito (SMTT), localizada na Frente do Shopping Boulevard, em Feira de Santana.


    Toda a ação foi registrada por uma câmera de monitoramento particular de um estabelecimento. Na imagem mostra que o policial e o agressor, teriam saído do show do cantor Saulo Fernandes que acontecia no estacionamento do Shopping Boulevard. O investigador discuti com um homem que está acompanhado de uma mulher. Sendo que, o policial vai embora em direção ao seu veiculo.


    Mas o agressor consegue sair das mãos da mulher, que todo tempo segurava para evitar o desentendimento e parte correndo em direção ao policial, tira a camisa e chama o investigador pra luta corporal. Entram em vias de fato, mas o agressor consegue dar um golpe, levando o policial ao chão, depois dar um chupe na cabeça e o investigador nesse momento fica desacordado, porém, o criminoso continua esmurrando e chutando o rosto de Paulo Sergio.
     



  • PETO 57ª CIPM estoura oficina de desmanche de veículos em Santo Estevão


    12.02.2019 18h39m
    Recomendar
    PETO 57ª CIPM estoura oficina de desmanche de veículos em Santo Estevão
    Foto Divulgação


    Por volta das 11h de segunda-feira (11), policiais militares do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 57ª Companhia Independente, apresentaram suspeitos de serem responsáveis pelo desmanche de veículos, em Santo Estevão.

    Durante radiopatrulhamento na Fazenda Modelo, a guarnição avistou um caminhão guincho realizando a remoção de pedaços de veículos recortados. De acordo com o motorista do guincho, o proprietário do material não se encontrava no momento.



    As peças foram remetidas a um “ferro velho” local, onde já havia peças com as mesmas características dos veículos desmanchados. Ao indagar o proprietário acerca da vinculação dos veículos desmanchados com as peças encontradas no seu estabelecimento, o mesmo se limitou a negar os fatos.

    Convidado a comparecer à delegacia a fim de prestar esclarecimentos sobre os fatos, o mesmo ofereceu vantagem indevida à guarnição, com vistas a omitir ato de ofício.

    Diante do ocorrido, foi dada voz de prisão em flagrante em virtude da configuração do crime de corrupção ativa, sendo o indivíduo apresentado a delegacia de Santo Estevão, juntamente com todas as peças de veículos encontradas.

    Fonte: 57ª CIPM



  • Policiais do 16º Batalhão apreendem fardos de maconha em Serrinha


    12.02.2019 18h36m
    Recomendar
    Policiais do 16º Batalhão apreendem fardos de maconha em Serrinha

    Na madrugada de segunda-feira (11), policiais militares da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO), do 16º Batalhão, apreenderam em Serrinha, quatro fardos de maconha pesando aproximadamente 20 kg, cada, totalizando uma média de 80 kg da substância em estágio bruto.

    Durante a Operação Varredura, nas proximidades do entroncamento de Lamarão, a guarnição avistou e deu voz de para a um veículo suspeito com licença de Petrolina-PE. Após simular a parada, os suspeitos empreenderam fuga, efetuando disparos de arma de fogo contra os policiais.

    Depois de percorrer cerca de 5 km em fuga, e sendo acompanhados pelos policiais, os suspeitos pararam o veículo no acostamento e desembarcaram, tomando destino ao matagal. Nas buscas no interior do veículo foram encontrados no porta malas, quatro fardos de maconha.

    O veículo e toda a droga apreendida foram apresentados na sede da 15°Coorpin/ Serrinha para que fossem tomadas as medidas cabíveis.

    Fonte: ASCOM 16º BPM
     



Publicidade
Anuncie Aqui!
ACC Material de Construção
Auto Escola Farol
Point Cell
Banner Governo do Estado
Banner Corrigido
Banner Governo do Estado
Minas Ceel e Prime Cell
Bruno do Pega
Banner - Kamila - Grafica
Janio Motos
Terreno Novo 2
Hasteg
Centrão
Lelinho Toldos
Spaço Sorriso
Banner Governo do Estado
Mabaço Eletrônicos
Auto Escola Trindade
Contador
Jobope
Capitão
Colégio Intelecto
FBI Investigação
Trayler
Mariana
Salão
Auto Peças Brasil
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Eventos