Em cima da hora:
Multas vão ficar mais caras e punição mais rigorosa a partir de novembro
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Operação “Mutação” desarticula quadrilha que roubava e adulterava combustíveis

    Quatro pessoas foram presas no inicio da manha de ontem (17) na cidade de Amélia Rodrigues durante a Operação Mutação, deflagrada pelo Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Civil. Eles são acusados de integrar uma quadrilha de ladrões de combustíveis e também de adulterar gasolina
    17.10.2014 19h51m
    Recomendar
    Operação “Mutação” desarticula quadrilha que roubava e adulterava combustíveis
    Fotos Gleidson Santos/Robson Codorna

    Quatro pessoas foram presas no inicio da manha de ontem (17) na cidade de Amélia Rodrigues durante a Operação Mutação, deflagrada pelo Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Civil. Eles são acusados de integrar uma quadrilha de ladrões de combustíveis e também de adulterar gasolina.


    O promotor Luiz Alberto, um dos responsáveis pela operação contou para reportagem que foram cumpridos 09 Mandados de Buscas e Apreensões, 02 Mandados de Prisão Temporária; 02 pessoas foram presas em flagrante com armas e munições; 60 Mil Litros de combustíveis adulterados foram apreendidos; vários caminhões tanque; além de vários produtos químicos que eram usados para adultera os combustíveis.


    “O líder da quadrilha foi identificado como Jose Luís, qual ainda não foi preso, mas está sendo monitorado e perseguido pela polícia e em breve, o mesmo será preso. Os combustíveis muitas vezes eram distribuídos, eles eram desviados dos caminhões tanque que transportam combustíveis, depois misturava com dissolvente e outros produtos para baratear o produto”.


    Ainda de acordo com o MP, o local que acontecia a adulteração dos combustíveis, funcionava em um deposito localizado em Amélia Rodrigues pertencente ao líder da quadrilha. Entre os presos estão dois filhos de José Luís, a esposa, qual foi autuada em flagrante com uma arma e munições.


    Ubirajara Souza, coordenador da Agencia Nacional de Petróleo (ANP), afirmou para reportagem do Folha do Estado que ficou surpreso com o tamanho da adulteração de combustíveis que estavam sendo feita em Amélia Rodrigues. “Nosso papel agora é colher um pouco do combustível e a analisar para sabermos quais os tipos de produtos químicos que os criminosos misturavam “, frisou Souza.


    O coordenador da Polícia Civil de Feira de Santana, Ricardo Brito contou que os flagrantes foram lavrados no Complexo de Delegacias do Sobradinho em Feira de Santana. “Demos todo apoio a operação, envolvemos vários policiais, viaturas e material de inteligência para auxiliar os trabalhos de investigação”, contou o delegado.


    A PRF trabalhou com um helicóptero, 44 viaturas e 150 policiais durante toda a operação. Os presos foram encaminhados para o Conjunto Penal de Feira de Santana após prestarem depoimentos


    A Operação


    Foi deflagrada na manhã de ontem, 17, a Operação Mutação, cujas investigações identificaram esquema criminoso de adulteração de combustíveis em larga escala na cidade de Amélia Rodrigues. Devem ser cumpridos oito mandados de prisão e nove de busca e apreensão nos municípios de Feira de Santana, Amélia Rodrigues e Conceição do Jacuípe, com o objetivo de apreender os combustíveis adulterados e documentos comprobatórios das práticas da organização criminosa.


    A ação está sendo realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes contra a Ordem Tributária (Gaesf), Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Promotoria Regional Especializada no Combate à Sonegação Fiscal de Feira de Santana e a Promotoria de Justiça de Amélia Rodrigues, com o apoio do Núcleo de Inteligência Criminal (NIC), do Ministério Público estadual; pela Polícia Rodoviária Federal (PRF); Superintendência de Inteligência (SI), da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP); Agência Nacional do Petróleo (ANP) e pela Inspetoria Fazendária de Investigação e Pesquisa (Infip), da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz). A operação envolve um contingente de oito promotores de Justiça do MP, mais de 150 policiais, 44 viaturas, um helicóptero da PRF, um caminhão-guincho e um caminhão-tanque.

    Durante três anos de investigação, apurou-se que parte da carga de cerca de 200 caminhões-tanque que trafegavam por Amélia Rodrigues diariamente era desviada para pontos (conhecidos como “Bodes”) onde ela era subtraída e comercializada a postos revendedores de combustíveis. Lá, homens chamados de “bodeiros” rompiam os lacres dos caminhões, subtraíam as cargas e depois adicionavam solventes para posterior comercialização de combustível adulterado na região de Feira de Santana. Segundo as apurações, o esquema incluía também emissão de notas fiscais falsas com o objetivo de legalizar o produto adulterado, indicando crimes de sonegação fiscal. As investigações contaram com interceptações telefônicas, pelas quais se constatou a participação de policiais civis e militares na quadrilha. Em troca de propina, eles teriam fornecido proteção ao esquema criminoso.

    Folha do Estado com informações do MP/BA


     



  • Dupla é presa com 14 quilos de maconha

    A delegada Clelba Regina, que estava acompanhada do capitão PM Cláudio Garcia, da 50ª CIPM, durante a coletiva, disse que Marcelo de Jesus saiu, na quarta-feira (15), por ordem da Justiça, do Presídio de Salvador, onde cumpria pena por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Interrogado, ele negou que a droga fosse dele, que era apenas
    17.10.2014 19h50m
    Recomendar
    Dupla é presa com 14 quilos de maconha

    Investigados por homicídios ocorridos na região de Pau da Lima, em Salvador, pela delegada Clelba Regina Teles, titular da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), os traficantes Marcelo Alexandre Nascimento de Jesus, o “Macaco”, de 32 anos, e Wellington dos Santos Almeida, 29, foram apresentados, na manhã desta sexta-feira (17), à imprensa, no auditório do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

    A dupla foi flagrada e presa, na quinta-feira (16), por uma guarnição da 50ª Companhia Independente de Policia Militar (CIPM/Pau da Lima), na localidade conhecida como Portelinha, com 14 quilos de maconha, uma pistola 380, munições, um carregador 9 mm, cocaína, R$ 200, em espécie, e embalagens para acondicionamento de drogas. Todo o material será encaminhado para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

    A delegada Clelba Regina, que estava acompanhada do capitão PM Cláudio Garcia, da 50ª CIPM, durante a coletiva, disse que Marcelo de Jesus saiu, na quarta-feira (15), por ordem da Justiça, do Presídio de Salvador, onde cumpria pena por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Interrogado, ele negou que a droga fosse dele, que era apenas usuário e que estava no local para comprar maconha.

    Já Wellington assumiu, em seu depoimento à delegada, ser o dono da droga e que pretendia comercializá-la toda naquele bairro. Disse que o material tinha como procedência o interior do estado, mas não especificou de qual região. Autuados em flagrante por tráfico, Wellington e Marcelo já foram encaminhados ao Complexo Penitenciário da Mata Escura.
     



  • “Criei minha filha para casar com homem e ter filhos e eu ser avô”, diz vereador acusado de agredir namorada da filha

    Em depoimento à polícia, a namorada da filha do vereador Edmílson Freitas contou que foi agredida com pauladas na cabeça e que filha do edil foi ferida com facão. A vítima relata que foi puxada pelos cabelos, teve o dedo quebrado e ainda apresenta outros hematomas pelo corpo.
    17.10.2014 19h48m
    Recomendar
    “Criei minha filha para casar com homem e ter filhos e eu ser avô”, diz vereador acusado de agredir namorada da filha


    O presidente da Câmara de Vereadores do município de Firmino Alves, no baixo sul da Bahia, suspeito de ter agredido a namorada da filha mais velha, de 18 anos, após ter flagrado as jovens juntas no quintal de casa no dia 7 de outubro, confirmou que é contra o relacionamento das duas, mas que atacou a jovem porque confundiu as duas com ladrões, já que o local estava escuro.

    Em depoimento à polícia, a namorada da filha do vereador Edmílson Freitas contou que foi agredida com pauladas na cabeça e que filha do edil foi ferida com facão. A vítima relata que foi puxada pelos cabelos, teve o dedo quebrado e ainda apresenta outros hematomas pelo corpo.

    "Havia tido casos de roubo de galinha no meu quintal, então eu estava desconfiado que poderia ser um ladrão de galinha. Quando saí na janela que eu olhei para o quintal, eu vi uma sombra passando no muro, no escuro. Eu tomei logo um susto de primeira, me arrepiei todo e perguntei:' Quem é você?' E essa pessoa continuou calada, estática e me olhando. Eu peguei o facão e desci para me defender. Aí eu vi duas pessoas correndo”.

    “Foi na hora que eu soltei o facão no escuro. Eu bati nas pernas das duas. Quando elas foram pular as taboas, que a menina veio de lá para cá, que ela entrou pelo quintal do prefeito e depois pulou essas taboas para entrar no meu quintal, foi a mesma taboas que elas iam pular de volta, que eu percebi que era minha filha. Queria dar uma surra na minha filha, vou ser sincero. Eu queria dar uma surra porque eu percebi o que estava acontecendo", relatou o vereador.

    Edmílson Freitas afirma também que é contra o relacionamento das duas. "Eu sou contra, eu não aceito. Porque eu criei minha filha para casar com homem e ter filhos e eu ser avô", disse.

    Depoimento

    A filha do vereador confirmou o namoro com a adolescente de 16 anos, mas não quis falar sobre as denúncias de agressão apresentadas pela namorada. A esposa do presidente da Câmara relatou que, no dia do episódio, escutou barulho no quintal e pensou que alguém estivesse roubando as galinhas. Logo em seguida, ela disse que já encontrou marido e filha dentro de casa.

    Já a mãe da adolescente que fez a denúncia, Rosenildes da Silva, que também é conselheira tutelar, afirma que a agressão só acabou quando uma colega de trabalho, que é parente da família do vereador, chegou ao local.

    A delegacia de Itororó, que investiga o caso, afirma que irá indiciar o vereador por agressão à mulher, por meio da Lei Maria da Penha.
    FONTE: G1 BA



  • Ministério Público e Polícia Civil deflagram operação contra esquema de adulteração de combustíveis

    Durante três anos de investigação, apurou-se que parte da carga de cerca de 200 caminhões-tanque que trafegavam por Amélia Rodrigues diariamente era desviada para pontos (conhecidos como “Bodes”) onde ela era subtraída e comercializada a postos revendedores de combustíveis. Lá, homens chamados de “bodeiros” rompiam os lacres
    17.10.2014 10h54m
    Recomendar
    Ministério Público e Polícia Civil deflagram operação contra esquema de adulteração de combustíveis

    Foi deflagrada na manhã de hoje, 17, a Operação Mutação, cujas investigações identificaram esquema criminoso de adulteração de combustíveis em larga escala na cidade de Amélia Rodrigues. Devem ser cumpridos oito mandados de prisão e nove de busca e apreensão nos municípios de Feira de Santana, Amélia Rodrigues e Conceição do Jacuípe, com o objetivo de apreender os combustíveis adulterados e documentos comprobatórios das práticas da organização criminosa.

    A ação está sendo realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes contra a Ordem Tributária (Gaesf), Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Promotoria Regional Especializada no Combate à Sonegação Fiscal de Feira de Santana e a Promotoria de Justiça de Amélia Rodrigues, com o apoio do Núcleo de Inteligência Criminal (NIC), do Ministério Público estadual; pela Polícia Rodoviária Federal (PRF); Superintendência de Inteligência (SI), da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP); Agência Nacional do Petróleo (ANP) e pela Inspetoria Fazendária de Investigação e Pesquisa (Infip), da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz). A operação envolve um contingente de oito promotores de Justiça do MP, mais de 150 policiais, 44 viaturas, um helicóptero da PRF, um caminhão-guincho e um caminhão-tanque.

    Durante três anos de investigação, apurou-se que parte da carga de cerca de 200 caminhões-tanque que trafegavam por Amélia Rodrigues diariamente era desviada para pontos (conhecidos como “Bodes”) onde ela era subtraída e comercializada a postos revendedores de combustíveis. Lá, homens chamados de “bodeiros” rompiam os lacres dos caminhões, subtraíam as cargas e depois adicionavam solventes para posterior comercialização de combustível adulterado na região de Feira de Santana. Segundo as apurações, o esquema incluía também emissão de notas fiscais falsas com o objetivo de legalizar o produto adulterado, indicando crimes de sonegação fiscal. As investigações contaram com interceptações telefônicas, pelas quais se constatou a participação de policiais civis e militares na quadrilha. Em troca de propina, eles teriam fornecido proteção ao esquema criminoso.


    Fonte: MP/BA, com imagem enviada por internauta.



  • Polícia Militar faz mais de 800 prisões em flagrante durante operações em Feira de Santana

    O balanço foi apresentado pela Coordenação de Planejamento Operacional e Decisões Estratégicas do Comando de Policiamento Regional Leste – CPRL.
    17.10.2014 10h51m
    Recomendar
    Polícia Militar faz mais de 800 prisões em flagrante durante operações em Feira de Santana

    De janeiro a setembro deste ano as ações da Polícia Militar resultaram em mais de 800 prisões em flagrante (roubos, tráfico de drogas e receptação) em Feira de Santana.

    As ações preventivas de abordagens e rondas realizadas pela PM através das Companhias Independentes e da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO), realizadas com diligencias em horários e locais estratégicos e do acionamento do Centro Integrado de Comunicação – CICom (190), além do Serviço de Inteligência e das denúncias anônimas contribuíram para atuação policial com resultados relevantes na melhoria da segurança dos cidadãos feirenses.

    Neste período 363 armas de fogo foram apreendidas e 352 veículos foram recuperados.

    O balanço foi apresentado pela Coordenação de Planejamento Operacional e Decisões Estratégicas do Comando de Policiamento Regional Leste – CPRL.

    Operação Anjos da Guarda

    Paralelo às rondas policiais, o Comando Leste, empregou no município a Operação Anjos da Guarda que no mês de setembro, prendeu 10 pessoas em flagrantes delitos, quatro armas foram apreendidas, três veículos foram recuperados.

    A Operação tem por objetivo reduzir os índices de violência com ênfase nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) e Crimes Violentos contra o Patrimônio.

    As informações são da Ascom/CPRL
     



  • SMTT notifica Vans e Ônibus do Transportes Público

    Durante as fiscalizações são observados o cumprimento dos hórarios, estrutura e estado de conservação dos ônibus e a sua documentação. “Estamos verificando o funcionamento do serviço e conversando com a comunidade para saber das reclamações”, destacou Ebenezer Tuy.
    17.10.2014 10h49m
    Recomendar
    SMTT notifica Vans e Ônibus do Transportes Público

    O combate as irregularidades no transporte público regular (ônibus e vans credenciadas) no município de Feira de Santana vem ganhando a cada dia mais fôlego. Na manhã desta quinta-feira, 16, o secretário municipal de Transporte e Trânsito, Ebenezer Tuy, coordenou uma fiscalização em diversos bairros.

    Foram visitadas as comunidades da Conceição, Aviário, Gabriela e Tomba. A fiscalização rendeu duas notificações. A primeira foi por excesso de passageiros em uma van que faz linha para os distritos. A outra diz respeito ao não cumprimento de horário de ônibus.

    Durante as fiscalizações são observados o cumprimento dos hórarios, estrutura e estado de conservação dos ônibus e a sua documentação. “Estamos verificando o funcionamento do serviço e conversando com a comunidade para saber das reclamações”, destacou Ebenezer Tuy.

    O secretário também alerta que precisa do apoio da população para combater o que está errado. “Muitas vezes as reclamações não chegam até nós. Por isso é necessário que procurem a secretaria e façam as reclamações, que iremos até o local para consertar o que não estiver de acordo”, afirmou.

    “A partir de hoje, sempre que houver insatisfação, vamos reunir a comunidade e levar nossa reivindicação. É a segunda vez que eles vem aqui para verificar a nossa situação”, declarou a moradora do bairro Gabriela, Rosemeire de Carvalho.

    Com informações da SECOM/PMFS
     



  • Acusado de comprar os 20 fuzis se apresenta na Polícia Federal

    Durante o depoimento diante dos delegados, Wal Goulart da Polícia Federal e o coordenador Ricardo Brito da Polícia Civil, Jaime alegou que comprou os fuzis pelo valor de 1 Mil Reais cada um e que iria revender pela quantia de 2,5 Mil. Após depoimento Jaime foi liberado, já que se apresentou.
    16.10.2014 18h54m
    Recomendar
    Acusado de comprar os 20 fuzis se apresenta na Polícia Federal
    Advogado Guga Leal

    Um homem identificado apenas como Jaime se apresentou na tarde de ontem (16), por volta das 15h30, na sede da Polícia Federal, localizada na avenida Maria Quitéria em Feira de Santana acompanhado com o advogado Guga Leal. Ele é acusado de comprar os 20 fuzis nas mãos dos ladrões que invadiram o Tiro de Guerra do município de Serrinha.


    Durante o depoimento diante dos delegados, Wal Goulart da Polícia Federal e o coordenador Ricardo Brito da Polícia Civil, Jaime alegou que comprou os fuzis pelo valor de 1 Mil Reais cada um e que iria revender pela quantia de 2,5 Mil. Após depoimento Jaime foi liberado, já que se apresentou.

    Jaime contou na delegacia que não tem nada a ver com o roubo e que apenas comprou as armas nas mãos dos ladrões e que pegou as armas na balança, onde iria revender para uma pessoa (nome não revelado). "Mas, quando percebeu que o Exercito, Polícia Federal, PRF, Civil e PM estavam todos nas casas de familiares a procuram dos fuzis, ai resolveu ligar para polícia Civil e a Militar, informando onde estariam os fuzis", frisou o acusado.
     

    Fuzis Recuperados


    Após operação do Exército, Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar ( Caatinga;Tático Móvel e PETO) e a Polícia Civil em diversos locais de Feira de Santana e no município de Serrinha, todos os 20 fuzis roubados do Tiro de Guerra do Exercito Brasileiro, localizado em Serrinha foram recuperados.


    As pessoas conduzidas pela Polícia Federal durante essa operação foram ouvidas e liberadas. A prisão deles ocorreu na localidade conhecida como Belém, distrito do município de Cachoeira. Após pagar fiança Jackson foi liberado no mesmo dia.

    Guga Leal informou que dos conduzidos para delegacia, apenas Jaime vai responder pelo crime de receptação.



  • Operação conjunta prende 3 assaltantes

    O coordenador da 20ª Coorpin/Brumado, delegado Leonardo Rabelo, suspeita que Bruno, Rogério e Ivan planejavam praticar assaltos a casas comerciais naquela cidade. Os três já têm passagens pela polícia por crimes como homicídio, tráfico e roubo. A polícia vai investigar se o trio tem participação em roubos
    16.10.2014 18h52m
    Recomendar
    Operação conjunta prende 3 assaltantes
    Foto Polícia Civil

    Equipes das polícias Civil e Militar prenderam, na quarta-feira (15), os assaltantes Bruno Resende Santos, de 28 anos, Rogério Silva França, o “Rock”, 33, e Ivan Alves de Oliveira, 41, durante operação conjunta, no bairro Olhos D’Água, na cidade de Brumado. No imóvel onde o trio foi preso, os policiais da 20ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da 24ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), apreenderam uma metralhadora ponto 40 e um revólver calibre 38, escondidos dentro de um guarda-roupa.

    O coordenador da 20ª Coorpin/Brumado, delegado Leonardo Rabelo, suspeita que Bruno, Rogério e Ivan planejavam praticar assaltos a casas comerciais naquela cidade. Os três já têm passagens pela polícia por crimes como homicídio, tráfico e roubo. A polícia vai investigar se o trio tem participação em roubos e homicídios praticados recentemente, em Brumado.

    Bruno, Rogério e Ivan foram autuados em flagrante pela posse das armas, já encaminhadas para exames periciais no Departamento de Polícia Técnica (DPT). Os três criminosos seguirão para sistema prisional. O delegado Leonardo Rabelo vai apurar também o envolvimento de outras pessoas com os três assaltantes.
     



  • Traficante que matou segurança é preso

    Os policiais apreenderam com a dupla 44 “trouxinhas” de maconha, 86 pedras de crack e R$20 em espécie. Além de envolvido na morte do segurança, em 2012, Leonardo tem passagem pela policia por tentativa de assalto a uma lotérica, na cidade
    16.10.2014 18h50m
    Recomendar
    Traficante que matou segurança é preso
    Foto Polícia Civil

    O traficante Leonardo dos Santos Almeida, de 23 anos, suspeito do assassinato de um segurança de prenome Hernandes, foi preso em flagrante com drogas, em Cajazeiras VIII, por investigadores da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), na terça-feira (14). Ele estava numa boca de fumo, na Estrada da Paciência, em companhia de Francisco Dantas Filho, o “Júnior”, 21, também conduzido à DH/Central, na Pituba.

    Os policiais apreenderam com a dupla 44 “trouxinhas” de maconha, 86 pedras de crack e R$20 em espécie. Além de envolvido na morte do segurança, em 2012, Leonardo tem passagem pela policia por tentativa de assalto a uma lotérica, na cidade de Cruz das Almas, ocorrida este ano.

    Segundo apurou a titular da 2ª DH/Central, delegada Clelba Regina Teles, Leonardo teria matado Hernandes por desconfiar que ele era informante da polícia. Autuados por tráfico de drogas, Leonardo e Francisco já foram encaminhados para o Sistema Prisional.
     



  • Bandidos estouram dois caixas eletrônicos em Capim Grosso

    Os bandidos usaram maçarico, e fugiram com todo o dinheiro após a ação criminosa. A quantia furtada ainda não foi determinada pela polícia. "O alarme da agência disparou e fomos diretamente ao local. Ao chegarmos lá, os dois terminais
    16.10.2014 18h47m
    Recomendar
    Bandidos estouram dois caixas eletrônicos em Capim Grosso
    Foto Cleriston Silva

    Na madrugada desta quinta-feira (16), dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil foram arrombados, na cidade de Capim Grosso, Região do Sinsal.

    Segundo o titular da Delegacia Territorial da Polícia Civil de Capim Grosso, Humberto Marino Júnior, o crime aconteceu por volta das 1h, quando um grupo de homens invadiu a agência e arrombou os caixas eletrônicos que ficavam no local.

    Os bandidos usaram maçarico, e fugiram com todo o dinheiro após a ação criminosa. A quantia furtada ainda não foi determinada pela polícia. "O alarme da agência disparou e fomos diretamente ao local. Ao chegarmos lá, os dois terminais de autoatendimentos estavam com um buraco na região da gaveta onde fica o dinheiro.

    Os bandidos já haviam fugido", relatou o delegado Humberto. A Polícia Civil ainda não identificou os homens que participaram do assalto.

    O Departamento de Polícia Técnica (DPT) do município de Jacobina foi até o local e realizou uma perícia no local.
     



  • Durante Operação da PF contra Pedofilia prende quatro na Bahia um em Alagoinhas

    De acordo com balanço da PF, além da prisão, três mandados de busca foram cumpridos em Alagoinhas, Camaçari e Vitória da Conquista, cidade que fica no sudoeste do estado
    16.10.2014 11h22m
    Recomendar
    Durante Operação da PF contra Pedofilia prende quatro na Bahia um em Alagoinhas
    G1.Com

    A Polícia Federal confirmou que uma pessoa foi presa em flagrante, nesta quarta-feira (15), na cidade de Alagoinhas, localizada a 124 quilômetros de Salvador, durante a Operação DarkNet, cujo objetivo é combater a pedofilia, e que ocorre em 18 estados, além do Distrito Federal.


    De acordo com balanço da PF, além da prisão, três mandados de busca foram cumpridos em Alagoinhas, Camaçari e Vitória da Conquista, cidade que fica no sudoeste do estado.


    Outros doze mandados são cumpridos em Portugal, Colômbia, México, Venezuela e Itália. Com os mandados de busca e apreensão, o objetivo é confirmar a identidade dos suspeitos e coletar elementos que comprovem crimes de armazenamento e divulgação de imagens, além de abuso sexual de crianças e adolescentes. De acordo com o delegado federal, André Rocha Gonçalves, a prática criminosa acontece na deep web, espaço da internet que não é acessado pelo usuário convencional e cujo conteúdo não aparece em sites de busca.


    "Esse ambiente permite que haja navegação anônima, é propício para crimes virtuais, inclusive a pedofilia. A gente identifica o ID, mas nem sempre é exatamente da pessoa que acessou. As pessoas usam internet compartilhada. É possível saber que se originou ali. Os mandados são para confirmar a origem ilícita e dar condição para a verificação do verdadeiro criminoso, que muitas vezes não é o titular [da rede]", afirma o investigador. Segundo o delegado, no espaço virtual, os suspeitos participam de chats, marcam encontros e compartilham fotos e vídeos de pedofilia infantil.


    Para chegar até a "deep web", é necessário ter um programa que torna a navegação anônima, o que impede a identificação de quem manda e recebe dados. Através de metodologia de investigação inédita e ferramentas desenvolvidas, os policiais federais conseguiram quebrar esse paradigma e identificar mais de 90 usuários que compartilham pornografia infantil. Segundo a PF, apenas as polícias norte-americana e inglesa, FBI e Scotland Yard, haviam realizado este tipo de trabalho.


    Segundo a PF, no decorrer da investigação, pelo menos seis crianças foram resgatadas de situações de abuso ou do iminente estupro, em diversos locais do Brasil. Em um dos casos, um pai relatava que iria abusar da filha assim que ela nascesse. Nesses episódios, policiais federais agiram e evitaram que as crianças permanecessem ou se tornassem vítimas, prendendo quatro investigados.


    A Operação DarkNet é resultado de um ano de investigações. Mais de 14 endereços IP (sigla para "Internet Protocol", espécie de endereço virtual) foram analisados. Entre os investigados, há policiais, empresários e até mesmo padres.

    Fonte: G1



  • Poluição Sonora: 12 pessoas são notificadas

    A iniciativa, coordenada pelo secretário da Semman, Roberto Tourinho, visa combater a poluição sonora e proporcionar qualidade de vida à população feirense, através da manutenção do direito ao sossego, o bem estar e a saúde pública.
    16.10.2014 11h06m
    Recomendar
    Poluição Sonora: 12 pessoas são notificadas
    Foto Secom

    O combate à poluição sonora em Feira de Santana, através da operação Feira Quer Silêncio, resultou na notificação de 12 infratores e apreensão de mais dois equipamentos sonoros instalados em veículos, por ultrapassarem os limites de emissão sonora permitidos por lei. A fiscalização foi realizada em avenidas e ruas da cidade, durante o final de semana.

    As ações, coordenadas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semman), são em parceria com a Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e Ministério Público. Foram realizadas nos dias 11 e 12.

    A iniciativa, coordenada pelo secretário da Semman, Roberto Tourinho, visa combater a poluição sonora e proporcionar qualidade de vida à população feirense, através da manutenção do direito ao sossego, o bem estar e a saúde pública.

    Conforme o fiscal Ricardo Leite, da Semman, durante a operação foram emitidas 12 notificações pela prática de poluição sonora. As blitze foram realizadas na rua C do conjunto Feira X, na avenida Eduardo Fróes da Motta, trecho do bairro Parque Getúlio Vargas; na avenida Maria Quitéria, trecho do bairro São João; na rua Rosa de Sharon, bairro Baraúnas; rua Visconde de Mauá, bairro Caseb; rua Vitória, no bairro Campo Limpo; na Cidade Nova;na rua Carralho, bairro Conceição II; e rua União Tijucana, bairro Parque Ipê.

    A fiscalização também resultou na apreensão de som automotivo instalado em um veículo Celta, na rua Benjamin Franklin, bairro Pampalona; e em um veículo Gol, na rua Lago Verde, bairro Conceição II.

    As informações são da Secom.
     



Publicidade
Banda Band
Lojão Pirai
Advogado Gabriel Soares
Kamis Modas
Churrascaria 2 de Julho
Junior Import
Advogado Helinbender
Excel Peças e Serviço
Janio Motos
Delta
OS MABAÇOS ELETRONICOS
Pet Shop
Outubro
Sobre medida
Aluguel de Ônibus - Cidade Princesa
Atenas
Pax
Mariana
Curso Aprovado
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia